Cidades

FOZ DO IGUAÇU

Sesa confirma primeira morte por Influenza no Oeste do Paraná

Conforme a 9ª Regional de Saúde, a vítima é um idoso de 69 anos, morador de Foz do Iguaçu.

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) confirmou a primeira morte por Influenza A (H3N2) na região Oeste do Paraná. Trata-se de um morador de Foz do Iguaçu. A informação foi confirmada no boletim semanal da Sesa, atualizado na segunda (9) e divulgado nesta quarta-feira (11). De acordo com a 9ª Regional de Saúde, de Foz, a vítima é um idoso de 69 anos, que deu entrada em uma unidade hospitalar da cidade e morreu no mesmo dia. A data do óbito, no entanto, não foi informada pelo órgão.

Apesar de a Sesa ter contabilizado a morte, segundo a 9ª Regional a confirmação da causa da morte só será possível após resultado de exame realizado pelo Lacen (Laboratório Central do Estado), em Curitiba. O resultado deve ser divulgado até a próxima semana.

Com esta morte em Foz do Iguaçu, já são três mortes por Influenza no Paraná, conforme dados da Sesa. São dois óbitos por H3N2 – um em Foz e outro em Cafezal do Sul, na região de Umuarama – e um por H1N1 – em Santa Izabel do Oeste, na região de Francisco Beltrão.

Na área de abrangência da 8ª Regional de Saúde, em Beltrão, há mais uma morte em investigação. Trata-se de um morador de Ampére, que estava internado em um hospital de Francisco Beltrão e morreu na terça-feira (10). A causa do óbito ainda não foi confirmada pela Regional.

CASOS CONFIRMADOS
Ainda de acordo com dados da Secretaria de Saúde, em todo o Paraná não 23 casos confirmados de Influenza. Na região Oeste, são três casos confirmados, dois em Foz do Iguaçu e um em Cascavel. Já na Regional de Saúde de Toledo, não há casos confirmados da doença. A situação mais crítica é em Santa Izabel do Oeste, onde a Sesa confirmou oito casos da Influenza.

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA POR EDITORIA

Comentários