P

Pensando em Você

Proteja-se das doenças causadas pelo frio

A previsão é para sua chegada neste final de semana

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

É muito comum que com a chegada do frio aumentem os casos de gripes, resfriados e doenças respiratórias, as famosas “ites”. Por isso, devemos estar atentos e preveni-las. Para facilitar a tarefa, selecionamos algumas informações importantes.

A primeira coisa a saber é que nosso organismo costuma combater sozinho essas doenças, eliminando-a do nosso corpo em cinco ou sete dias. Ele está programado para isso. Na grande maioria dos casos ele mesmo elimina o vírus. Claro, devemos tomar cuidados básicos como beber bastante água para manter a hidratação, ter uma alimentação adequada e repousar bastante.

Agora, se após esse período a pessoa apresentar os mesmos sintomas, podendo ser agravados por secreções amareladas ou esverdeadas no nariz e no ouvido ou pontos de inflamação e pus na garganta, é melhor procurar um médico.

Com a chegada do Inverno, nosso organismo acaba ficando suscetível a essas doenças. Nosso sistema respiratório é basicamente mucosa com cílios, que tem a função de eliminar possíveis invasores. Com o frio, esses pelinhos sofrem, e vírus e bactérias entram com mais facilidade no nosso corpo.

É bom evitar lugares fechados e sem ventilação, já que eles concentram um número maior de micro-organismos, aumentando as chances de contágio. Por isso, não importa o local, seja ônibus, casa ou escritório, mesmo com as temperaturas mais baixas é importante que haja ventilação. Ao chegar em casa, lave o nariz com soro fisiológico. Ele ajuda a limpar a poluição das vias respiratórias e eliminar possíveis invasores que causam as doenças. Se o ar estiver seco, use um umidificador de ar ou uma toalha úmida no ambiente.

Para prevenção da gripe, existe ainda a possibilidade de vacina. Lembrando ainda que esse método de prevenção não é aconselhável a pessoas com alergia a albumina, proteína encontrada no ovo e usada em sua fabricação.

A vacina não causa gripe nos pacientes imunizados, mas leva de quatro a oito semanas para ter eficácia plena, por isso a pessoa que tomou a vacina pode chegar a ficar doente nesse período.

 

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA NOSSAS COLUNAS


Strict Standards: Only variables should be passed by reference in /home/mensageiro/public_html/wp-content/themes/jornalmensageiro/single.php on line 125

Pensando em Você

Por: Oti Valério

Otilindes Munhak Valério, mais conhecida como Oti, é colunista social do Mensageiro desde a década de 1980. A frente do “Pensando em Você”, traz em sua coluna a tendências de moda, saúde, bem-estar e beleza. Tem forte ligação com a sociedade, divulgando personalidades e eventos na Coluna Social.

Comentários