Cidades

SÃO MIGUEL DO IGUAÇU

Mais de 460 documentos de regularização do Cemitério Central ainda não foram retirados

O Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu, por meio da secretaria de Assuntos Comunitários, Segurança e Trânsito, continua realizando a entrega da documentação dos espaços do Cemitério Central que foram regularizados no Chamamento Público realizado no ano passado.

PUBLICIDADE

No total foi realizada a regularização de 1.543 espaços e, até o momento, 1.079 documentos foram retirados, representando quase 70% desses espaços. Ou seja, falta a retirada de 464 cadastros, que são compostos por 412 de jazigos de uso familiar e 54 de gaveta/jazigo de uso social.

“É preciso que os familiares retirem a documentação porque ela é o documento que comprova que a pessoa é a dona e responsável pelo jazigo”, conta o secretário da pasta, Alexandro Alcará.

Ele lembra ainda que “somente com esse documento em mãos é que será feita a autorização para exumação e reforma de jazigo no Cemitério Central daqui para frente”.

Os documentos podem ser retirados pelas pessoas responsáveis que assinaram a regularização da cessão de uso, na sede da secretaria, localizada no Paço Municipal, ao lado do calçadão, no horário das 07h30 as 11h30 e das 13h00 as 17h00, até dia 30 de junho.

Conforme a Lei Municipal nº 3.442/2021, que regulamenta o funcionamento dos Cemitérios Municipais, e o Chamamento Público, os espaços que não foram regularizados retornaram para o patrimônio do município e estão sendo marcados para serem destacados, caso algum familiar visite o local.

No momento existem outros 481 espaços, sendo 329 jazigos de uso familiar e 152 gaveta/jazigos de uso social, que ainda não foram regularizados.

Comentários