Economia e Negócios

MISSAL

Empreendedores informais e MEIs de Missal podem obter até 5 mil reais em crédito

Na última sexta-feira, 12 de março, ocorreu um treinamento da rede de agentes de crédito e correspondentes. Na pauta, algumas orientações e esclarecimentos nos preparativos para reabertura da linha Paraná Recupera, a partir desta segunda-feira, 15 de março.

Portanto, a partir desta data, a Sala do Empreendedor de Missal estará disponibilizando a liberação de créditos de 1,5 mil reais a 5 mil reais para empreendedores informais e microempreendedores individuais, com o objetivo de acelerar a retomada econômica.

Parceria

A liberação de recursos é feita por meio de parcerias entre a Fomento Paraná, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), a Secretaria de Estado da Fazenda, e a Administração Municipal de Missal, por intermédio da Sala do Empreendedor, junto a secretaria de Indústria, Comércio e Turismo.

Segundo informações da Fomento Paraná, a quantia ofertada depende do tempo de atividade dos empreendedores, com juros subsidiados de 0,36% ao mês. Mais informações podem ser obtidas também na Sala do Empreendedor de Missal pelo fone (45)3244-8061 ou de forma presencial na Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo, ao lado Ginásio 25 de Julho.

Critérios para o Crédito

Foi veiculado ainda na sexta-feira (12), que aqueles que exercem atividades informal antes de 31 de dezembro de 2020 poderão ter acesso a 1,5 mil reais; empresas com menos de 1 ano até 31 de dezembro a 3 mil reais; e 5 mil reais para empresas que tenham mais de um ano a partir desta mesma data. O prazo de carência é de 12 meses e 24 meses para o pagamento.

No entanto, uma observação importante repassada aos agentes de crédito dos municípios é que quem já foi beneficiado pela linha em 2020, não poderá adquirir novo crédito. O objetivo é justamente possibilitar o atendimento para aquele pequeno empreendedor que na época teve o crédito negado.

A Fomento Paraná ainda anunciou que além de crédito novo, está oferecendo a possibilidade de suspender por dois meses os pagamentos das parcelas de créditos contratados pela linha Paraná Recupera no ano passado.

Clientes do MICROCRÉDITO também podem solicitar renegociação, com novo prazo de carência e de amortização. A intenção é ajudar a dar um fôlego nas contas dos empreendedores, reduzir o tamanho das parcelas e, principalmente, para evitar ficar inadimplente, para manter a empresa saudável, em condições obter crédito e fazer compras de mercadorias a prazo sem dificuldades.

Governo do Estado

Este crédito faz parte das novas medidas econômicas para auxiliar a população estudadas pelo Governo do Estado do Paraná, cujo um dos objetivos é acelerar programas ainda embrionários para disponibilizar, além do crédito e inovações tributárias, formas de auxiliar financeiramente empresas e setores impactados pelas restrições de circulação.

Entre as novas medidas está direcionar as ações para micro e pequenos empreendedores, lojistas e comerciantes, além de prestadores de serviços e profissionais ligados ao setor cultural e de turismo. A ideia é manter os empregos, o que garante renda para as famílias, e a roda da economia girando perto da normalidade, com ações ainda mais incisivas do que as adotadas em 2020.

Comentários