Educação e Cultura

Projetos científicos

Jovens talentos apresentam mais de 150 trabalhos na FIciencias 2019

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

“Educação não é só sala de aula”, destacou o gerente da área de Educação do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Willbur Rogers de Souza, durante a abertura da Feira de Inovação das Ciências e Engenharias (FIciencias), na tarde desta terça-feira (05). A declaração deu início à exposição de mais de 150 ideias pensadas dentro ambiente escolar e transformadas em projetos científicos por jovens talentos do Paraná e de Santa Catarina, além de Paraguai e Argentina, no Hotel Golden Park Internacional Foz.

O evento é uma oportunidade para conferir de perto propostas interessantes e curiosas, como um bioplástico feito com caroço de abacate e casca de batata, uma plataforma de realidade aumentada para estudo da paleontologia, uma lixeira inteligente e educativa, ou ainda saber qual é a contribuição das moscas para a ecologia.

A programação segue até sexta-feira (08) e é aberta ao público. Em 2018 foram mais de 1200 visitantes. Este ano, o horário das exposições foi estendido na terça e quarta-feira para até as 19h30, a fim de garantir que a comunidade de Foz e região possa conhecer os projetos. Já a versão kids será na quarta-feira das 8h30 às 10h40 e das 14h30 às 16h40, e vai contar com 50 iniciativas de professores de Foz e região que participaram de formação promovida pelo Parque Tecnológico e aplicaram o conhecimento em sala de aula.

Também faz parte da programação um ciclo palestras sobre profissões, que será realizado na quinta-feira (07), das 14h30 às 16h30. Em apresentações curtas, 10 profissionais de diversas áreas do conhecimento contarão sobre a sua vida profissional e o mercado de trabalho em que atuam.

Popularização das ciências

A Ficiencias tem o objetivo de estimular, incentivar e valorizar os talentos em todas as áreas do conhecimento, como Engenharias, Ciências Humanas, Ciências Exatas e da Terra, Ciências Biológicas, Ciências Agrárias, Saúde e Ciências Sociais e Aplicadas. Os autores dos melhores trabalhos receberão prêmios em dinheiro, além de troféus, medalhas e passaportes para outras feiras semelhantes. A cerimônia de premiação e encerramento da FIciencias está marcada para sexta-feira (08), às 9h.

Durante a abertura oficial, o diretor administrativo-financeiro do PTI, Flaviano Masnik, destacou que a FIciencias é um espaço para colocar ideias e inovações em prática. “Isso faz parte da finalidade do Parque Tecnológico. Por isso, estimulamos este ambiente e organizamos a feira”, completou. Representando a Diretoria Financeira Executiva da Itaipu, Felipe Moreira Ferrão, elogiou o empenho dos estudantes. “Parabéns por saírem das suas zonas de conforto. Pessoas como Bill Gates, Steve Jobs e o nosso astronauta Marcos Pontes fizeram esse ‘algo a mais’ e por isso chegaram onde chegaram”, citou.

O papel das instituições de ensino na busca pela popularização das ciências foi reforçado por Adriano Machado, da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), que representou as instituições que compõem o comitê gestor da FIciencias. “Toda universidade que preza pelo ensino, pesquisa e extensão, deve estar de mãos dadas com a educação básica de forma irrestrita”.

Também participaram da solenidade o coordenador do Centro de Inovação em Educação do Parque Tecnológico Itaipu – Paraguai (PTI-PY), Fábio López; a secretária municipal de Educação de Foz do Iguaçu, Maria Justina da Silva; o reitor da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), Gleisson Pereira de Brito; e o diretor financeiro do Parque das Aves, Oliver Toby Dundas.

Ficiencias

A Ficiencias é organizada pelo PTI, Itaipu, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Universidade Estadual de Londrina (UEL), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila) e Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), e este ano conta com patrocínio do Parque da Aves, Sanepar e Visit Iguassu.

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA POR EDITORIA

Comentários