Especial

1974

O ano que mudou a comunicação da região oeste

A ideia de criação do jornal brotou às margens do Rio São Francisco em Remanso-Bahia, quando Mirtis Maria Valério participava do Projeto Rondon. Enviou uma carta para seus pais que viria para Medianeira para fundar um jornal-motivada pelo seu primo Edmar Brás Bolsi, quando conheceu a cidade, em novembro de 1973, e constatou que aqui não havia jornal. Em fevereiro de 1974 chegou com muitos sonhos na bagagem e já colocando em prática o projeto de jornal. Enviou uma circular para os poderes constituídos, empresários, clubes de serviço e lideranças; depois foi escolhido o nome Mensageiro, relacionado com o processo da comunicação. A primeira edição circulou em 17 de maio de 1974 – Dia Internacional das Comunicações. “Foi pautada por alguns assuntos e começamos sem experiência, tendo como fonte a pesquisa. Todos se ajudando até que ficou pronta, finalizada na tarde de 16 de maio de 1974. Um desafio. Textos datilografados em colunas com a Facit (fita polietileno), coladas em uma folha do tamanho do jornal com cola bastão e para os títulos letra SET DECADRY. Foi uma vibração só, ao concluir a montagem da primeira edição”, relembra a fundadora e jornalista, Mirtis Maria Valério.

A impressão da primeira edição foi na Grafo-Set Ltda. de Toledo. “Lá foi o Edmar com um Fusca. Na gráfica as páginas eram filmadas, gravadas em chapas de alumínio e impressas em papel jornal. Para a nossa surpresa, o jornal chegou impresso às 5 horas da manhã do dia 17 de maio e toda a equipe já estava a postos para ver a novidade, fazer a intercalação e distribuir o ‘MENSA’ (como foi batizado)”, destaca a jornalista.

Mirtis complementa que para imprimir o jornal em Toledo (via Vera Cruz do Oeste) era uma aventura, principalmente em dias de chuva. “Tínhamos que fechar a edição por volta das 16 horas da véspera da circulação, levar as páginas montadas e aguardar a impressão”, conta.
Segundo ela, o impacto de Medianeira ter um jornal foi muito positivo, pois não tinha nenhum meio de comunicação local. “A adesão dos anunciantes, de assinantes e venda na rua e nos pontos de venda surpreendeu”, finaliza.     

NOTÍCIAS DE DESTAQUE DO JORNAL MENSAGEIRO EM 1974

· Toma posse em 27 de abril de 1974, a primeira diretoria da Câmara Junior, que teve como presidente, Edgar Brás Bolsi.

· Cine Sayonara: Filme em cartaz – Sol Vermelho.

· O presidente do Clube União, Ivo Antonio Da Rolt anuncia a construção do Clube, (piscina e campos de futebol) e é lançado a venda de títulos patrimoniais para angariar recursos.

· Em 17 de maio foi assinada a Ata de Constituição para construir a Itaipu Binacional entre o presidente do Brasil Ernesto Geisel e Alfredo Stroessner do Paraguai, no Hotel Cataratas.

· Reforma Nacional do Ensino, ofertando uma formação geral aos estudantes.

· Dia 21 de maio o cantoR Sérgio Reis faz um show em Medianeira.

· Sucesso do Curso de Orientação Sexual em Medianeira.

· Jovens concorrentes à Miss Brotinho de Medianeira.

· Visita do deputado estadual Ivo Thomazoni e do candidato a deputador federal, Norto Macedo.

· Baile de despedida das antigas instalações do Clube União, em 29 de junho com a presença da Miss Paraná Silmara Maria Camargo.

· Time de futebol Aymoré de Matelândia, Campeão da Taça Cataratas e representou o oeste na Taça Paraná.

· Tentativa de realizar o primeiro filme em Medianeira com os alunos do Colégio Mondrone denominado “Do Amor não se Foge”, tendo como autores, Gilmar Grapiglia, Liane Simonatto, Sigri Hoyer, Ronaldo Chaves, Idolar Nandi e Flavio Santos.

· Proposta da Cotrefal de duplicar a capacidade de beneficiamento, secagem e armazenamento de cereais em decisão de Assembleia.

· Lions luta a três anos para a construção de ginásio de esportes, realizando Festa do Chopp para arrecadar verba.

· Projeto Rondon, realiza “Operação Arquivos” – jovens universitários visitaram a Prefeitura de Medianeira para fazer um levantamento de dados sobre patrimônio histórico e preservação.

· Aumento da Inflação.

· Construção da Micro Ponte da Amizade sobre o Rio Represo, entre Medianeira e São Miguel do Iguaçu.

A primeira capa do Jornal Mensageiro, de 17 de maio de 1974. Esta edição foi feita em formato tablete, com 12 páginas em Preto e Branco

Comentários