M

Memórias

MEMÓRIAS

Memórias do Jornal Mensageiro

Em mais uma reportagem histórica publicada no Jornal Mensageiro, destacamos a inauguração da rodovia ligando Missal a São Miguel do Iguaçu, numa extensão de 32 quilômetros (reportagem publicada em 30 de junho de 1988)

Data de publicação original: 30/06/1988

Número da edição original: 552

PUBLICIDADE

Fac-símile da reportagem de 30 de junho de 1988

Missal – São Miguel ligados por uma super rodovia

Com o alagamento de áreas de vários municípios que circundam o lago de Itaipu, a própria binacional ressarciu com obras e investimentos. Uma dessas destacadas obras foi a construção da rodovia que liga Missal – São Miguel do Iguaçu, numa extensão de 32 quilômetros com 7,20 de leito asfaltado, mais 1,40 metros de acostamento.

Esta rodovia, implantada (terraplanagem e pavimentação) pela Itaipu Binacional dentro do Programa de recuperação do sistema viário ao longo dos municípios limítrofes ao reservatório, interliga as cidades de Missal e São Miguel do Iguaçu.

Esta estrada também representa importante ligação de todas as localidades do município de Santa Helena com os municípios, de Santa Terezinha de Itaipu e de Foz do Iguaçu, pois agora não mais será necessária a passagem pela cidade de Medianeira, como sensível economia de tempo e combustível.

Entre as inúmeras obras de arte implantadas ao longo da rodovia, vale destacar a construção de uma ponte construída em concreto protendido, com 110 metros de extensão sobre o Rio Ocoí.

Numa das margens do rio Ocoí, ao lado da cabeceira da ponte, esta localizada a Praia e Área de Lazer Municipal de São Miguel do Iguaçu que agora para satisfação de toda a comunidade, devido a rodovia, tem seu acesso asfaltado desde a sede do município.

Esta rodovia representa a reunificação do território do município de São Miguel do Iguaçu que, por ocasião da formação do reservatório, foi dividido pelo rio Ocoí.

O ato inaugural foi motivo para congregar em Missal autoridades do Paraná, do oeste em grande festa, tendo como ponto alto das solenidades a entrega de títulos de cidadania honorária ao presidente de Itaipu Binacional, Ney Braga. O que chamou atenção dos prestigiadores do acontecimento foi as referencias que Ney Braga fez a pessoa do Governador Álvaro Dias, dizendo que, apesar de serem de partidos diferentes, há união quando se fala em amor a terra. Acrescentou: “unimo-nos nesse momento em busca da felicidade de nosso povo e não do voto”. Finalizou fazendo um apelo – “não devemos permitir a existência da falta de confiança no futuro do país”. Ressaltou também que as obras que são executadas pela Binacional devem continuar pois é um “dever” e não um “favor”, fazer o que esta sendo feito.

Honoraria concedido pela câmara municipal de Missal emocionou o ex-governador Ney Braga, entendendo que é uma prova de confiança e deve ser recebida com muita honra e alegria. Dentre as autoridades presentes destacamos o secretario de estado dos transportes, Heinz Georg Herwig. Prefeitos de Medianeira, Adolpho Mariano da Costa, de São Miguel, Armando Polita, de Santa Helena, Julio Morandi, todos os vereadores de Missal sob a presidência da Sra. Irani Giehl, deputados Werner Wanderer e Gernote Kirinus, diretor de coordenação da Itaipu Binacional, Luiz Eduardo Veiga Lopes, alem é claro do prefeito e vice de Missal, Luciano Kreutz e Afonso Paetzold, respectivamente.

Realmente uma super estrada ligando Missal – São Miguel
Descerrada a placa que deu por inaugurada a estrada de 32km
Os vereadores de Missal prestigiaram o ato satisfeitos

Comentários