N

Nosso Povo

Marcenaria Afetiva

PUBLICIDADE

Elaine Oliveira e Fernando Maraffon estão juntos há quase seis anos, se conheceram em Medianeira, porém nenhum dos dois nasceu aqui. Elaine é natural de Santa Lúcia-PR, e Fernando de Salto do Lontra-PR, cidades distantes a 110 e 180 km de Medianeira, respectivamente. O Fernando mudou-se para cá em 2006 e Elaine em 2014. “Trabalhamos com peças decorativas em madeira há pouco mais de três meses, é um nicho da área da marcenaria, denominada marcenaria afetiva, que diferente da marcenaria tradicional, não produz móveis, mas sim peças em madeira que sejam capazes de criar momentos de afeto nos lares onde estiverem presentes”, explica Elaine.

Ela dedica-se exclusivamente ao negócio, é responsável pelo atendimento aos clientes, pela parte financeira, entregas e despachos de encomendas nos Correios, também por toda a criação de conteúdo de vídeos e imagens para o Instagram e para loja on-line na plataforma Shopee. Já Fernando, desenvolve essa atividade à noite e aos finais de semana, pois durante o dia trabalha na área de desenvolvimento de produtos em uma empresa da cidade.

Apesar de não ter dedicação exclusiva ao negócio, Fernando sempre teve o sonho de empreender e o gosto por criar coisas novas. “Eu era contrária a isso, mas recentemente após ele fazer algumas peças para uso nosso, vi o potencial e após várias e várias conversas, decidimos empreender”, comenta Elaine.

A matéria prima principal para a confecção das peças é madeira de Pinus, especificamente tábuas. O tempo de confecção de uma peça varia muito, podendo demorar de 10 minutos a mais de uma hora, de acordo com a forma e tamanho. “Produzimos tábuas gourmet que servem de decoração de mesa posta e decoração, porta chaves, porta temperos, porta guardanapos, placas decorativas, e muito mais”.

Além da felicidade em empreender, Fernando destaca o sentimento de ver alguém usando algo criado por ele. “É uma sensação de dever cumprido com misto de gratidão. Nós amamos o que fazemos, e quando recebemos fotos dos clientes, sentimos que todo esforço valeu a pena”, finaliza.

Quem quiser saber mais sobre o trabalho do casal pode entrar em contato pelo telefone e WhatsApp (45) 99861-7260. Ou no instagram @dulcedecorbr.

Nosso Povo

Por: Douglas Florêncio

Técnico em design gráfico e fotografia pelo Sesc/PR. Colunista esportivo, há mais de 10 anos trabalhando em jornal e outras mídias.

Comentários