Política

MEDIANEIRA

Vereadores citam situação de deterioração do Centro Estadual de Educação Profissional em requerimento que cobra agilidade na obra

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

Os vereadores de Medianeira se reuniram nesta segunda-feira (11), para deliberação em único turno, dos dez requerimentos apresentados em pauta e o despacho de sete indicações de melhorias durante a 9ª Sessão Ordinária de 2020.

Com destaque para o requerimento de autoria de todos os parlamentares, que solicita ao governador Ratinho  Junior, ao secretário da Educação, Renato Feder, e ao presidente do Fundepar, José Maria Ferreira, que seja informado se os projetos referentes ao Centro Estadual de Educação Profissional – CEEP de Medianeira, já foram concluídos e qual a previsão para a abertura do procedimento licitatório visando a contratação de empresa para a retomada e conclusão desta importante obra.

Os vereadores justificam que, por diversas vezes, o Legislativo repassou ao governo estadual, informações sobre a péssima situação da estrutura, sofrendo com a depredação e roubo de materiais, sendo também utilizado como abrigo por usuários de drogas. O que tem levado insegurança à população que reside nas proximidades, e se transformando em um ponto para acúmulo de água e criadouro do mosquito Aedes Aegypti.

Em resposta à Câmara, o Fundepar noticiou a retomada da obra em 2019, que estaria em fase de elaboração dos projetos de prevenção de incêndio, elétricos, hidráulicos e de acessibilidade. Contudo, os vereadores identificaram que desde setembro não há novas informações no processo, nem ao menos previsão para o lançamento do processo licitatório, necessário para continuidade da obra.

Dos demais requerimentos aprovados

Sidney França e Antonio França requerem a outorga de Votos de Congratulações à UTFPR – Câmpus Medianeira, pelo engajamento desta valorosa instituição e de seus alunos, no sentido de minimizar os impactos da pandemia do coronavírus, que afeta o mundo.

Nelson de Bona requer à Ecocataratas, a realização de estudos objetivando a instalação de um redutor de velocidade, ou a liberação para que o Município possa instalar, na Avenida 24 de Outubro, antes do acesso da BR-277, próximo ao viaduto que liga os bairros Ipê e Belo Horizonte.

Tarcísio Becker solicita ao Poder Executivo, que seja informado se o Município está fiscalizando os tubos metálicos que servem de postes para as placas de trânsito, bem como, galerias pluviais que possam conter acumulo de água, possibilitando a formação de criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças.

Sidney França questiona ao Poder Executivo, como o Setor de Planejamento e a Secretaria de Saúde, tem planejado a aplicação dos recursos que serão destinados ao Município após a promulgação do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus, detalhando ações específicas à serem desenvolvidas.

Sidney França busca com as autoridades competentes informações sobre quais as razões para a decisão de tornar o Hospital Ministro Costa Cavalcanti, de Foz do Iguaçu, o hospital para o qual serão encaminhados os munícipes infectados pelo Covid-19 e que venham a necessitar de internamento hospitalar.

Antonio França, Valdir Oliveira e Sebastião Antonio solicitam ao deputado federal Schiavinato, a viabilização de emenda parlamentar no valor de R$ 500 mil, a serem destinados ao Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz.

 Antonio França solicita ao deputado estadual, Hussein Bakri, a viabilização de dois automóveis para a Secretaria Municipal de Saúde e um aparelho de ultrassom para o Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz.

Sebastião Antonio solicita que seja informado pela Administração Municipal, qual a previsão para o lançamento de novo edital de licitação tendo como objeto a elaboração do Plano de Mobilidade Urbana.

Pedro Seffrin questiona o Poder Executivo, acerca do Comitê Municipal de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos do COVID-19, sobre quem são os integrantes do referido Comitê? E quais os métodos de contato com os mesmos?.

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA POR EDITORIA

Comentários