Policial

TRAGÉDIA

Ricardo Ferreira Damião Júnior morre após ser alvejado por tiros

Crime contra o advogado e professor universitário aconteceu na noite de terça-feira (27), próximo à UDC Medianeira

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

O advogado e professor universitário Ricardo Ferreira Damião Júnior, de 46 anos, e o filho dele, Ricardo Ferreira Damião Neto, de 18 anos, foram alvejados com 11 tiros na noite de terça-feira (27) no centro de Medianeira. O professor não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de hoje (28).

Segundo a Polícia Militar (PM), Ricardo Damião Júnior e o filho saíram da faculdade UDC Medianeira por volta das 22h30, seguiram a pé por alguns metros até onde o carro estava estacionado, quando foram surpreendidos pelo atirador, que estava em um automóvel. Eles foram socorridos e encaminhados em estado grave para o Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz.

O filho do advogado, Ricardo Ferreira Damião Neto, atingido no maxilar e na garganta por um dos disparos, está fora de perigo, se recuperando em um Hospital de Cascavel.

A Polícia Civil está investigando o ocorrido e até agora não há nenhuma informação sobre os autores do crime. Conforme o Delegado Denis Merino, a princípio está descartada a hipótese de latrocínio, e existe uma linha de investigação, porém devido à gravidade do caso, será mantido o sigilo.

O corpo será velado hoje a noite, a partir das 21h30, no Medianeira Country Clube. E o enterro será amanhã (29), às 10h, no Cemitério Municipal.

MANIFESTAÇÕES – Em nota, OAB Paraná expressou profundas condolências à família e à advocacia de Medianeira. “A advocacia está consternada. Estou em contato com o secretário da Segurança Pública do Paraná para pedir a rigorosa investigação desse crime, inclusive para sabermos se decorreu do exercício da advocacia”, disse o presidente da instituição, José Augusto Araújo de Noronha. Além disso, a OAB designou profissionais para acompanhar o caso, são os advogados Priscilla Placha Sá e Eliel Ramos. A OAB Medianeira decretou luto por três dias. “Muito atuante na advocacia local e também na UDC, onde lecionava Processo Penal. A OAB Medianeira está em luto”, explica Flávia Magnoni Sehenem, presidente da subseção.

A UDC, faculdade onde Ricardo trabalhava desde 2002, também emitiu Nota de condolências, se compadecendo com amigos e familiares e reforçando o pedido por uma sociedade com menos violência. A faculdade suspendeu as aulas na noite de hoje (28).

VIDA – Ricardo Ferreira Damião Junior nasceu em Foz do Iguaçu, em 03 de janeiro de 1972. Filho de Vanda e Ricardo Ferreira Damião, cartorário da vara cível de Medianeira. Tinha dois irmãos Eduardo e Viviane. Casado com Fernanda Smaha Damião, também advogada, deixa quatro filhos: Gabriela, Ricardo Neto, Maria Fernanda e Maria Julia. Formou-se em Direito na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), era advogado desde 1994. Atuava no escritório Damião Advogados Associados.

 

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA POR EDITORIA

Comentários