A

Arquitetando

Cuidados na decoração do primeiro apartamento

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves
Projeto Escritório Ana Paula Rosseto e Jaqueline Mafini – Arquitetura e Interiores

Conquistar a primeira moradia é motivo de animação, escolher o imóvel, a decoração, todos os detalhes que farão parte da sua vida. Mas decorar o primeiro apartamento não é tão simples, e é comum as pessoas caírem em alguns enganos, dos quais podem se arrepender depois. Por isso, separamos algumas dicas para você fugir desses problemas no futuro, com escolhas conscientes ao montar a sua casa, e chegar no resultado que tanto sonhou.

Não visualizar o imóvel inteiro – O mais normal é pensar na decoração dos cômodos individualmente, e não como um todo. Muitas vezes, pelo orçamento apertado, os ambientes são pensados separadamente, não criando harmonia na casa como um todo. O ideal é pensar como os ambientes podem conversar entre si, e partir dessa premissa na decoração do todo.

Não prestar atenção às proporções do ambiente – Antes de escolher e comprar os móveis para a nova residência, é importante ter noção do espaço disponível, sempre considerando a circulação no ambiente e visando o máximo conforto. É necessário dar atenção à proporção dos móveis e harmonia da decoração. Mesmo que vá ser reutilizado algum móvel antigo, este deve compor com o ambiente novo.

Não trazer identidade aos espaços – Nada melhor do que a personalidade do morador impressa nos ambientes. Opte por um estilo, mas personalize e dê identidade ao ambiente.

Pecar na iluminação natural – Aproveitar a luz natural dentro de casa é revigorante. Quanto mais aberturas melhor. E devemos pensar nelas desde a escolha do imóvel.

Variações de estilo no mesmo ambiente – Para tornar um ambiente aconchegante, um dos principais pontos é a harmonia. Um deslize comum na hora de montar o decor é escolher objetos que não “conversam” entre si ou que combinam mais de um estilo. O ideal é definir o estilo que exprima o seu perfil e manter-se fiel a ele para um ambiente coerente e harmonioso.

Não aproveitar o espaço vertical – Nos apartamentos compactos, é importante aproveitar cada centímetro. Um local que é esquecido muitas vezes são as paredes e a verticalização dos armários, que garantem funcionalidade aos ambientes pequenos.

Ter pressa – A partir da compra do imóvel, é comum termos pressa para usufruir da nova moradia, mas é preciso ter cautela. O processo de criação do projeto até a execução deve ser feito com calma e planejamento. A definição das etapas feita previamente evita erros, tornando essa fase mais assertiva.

Fonte: casavogue.globo.com, aptodecoradopequeno.com, casa.abril.com.br

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA NOSSAS COLUNAS

Arquitetando

Por: Jaqueline Mafini

Formada em Arquitetura e Urbanismo desde 2014 e pós-graduada em Engenharia de Gestão e Prevenção Contra Incêndio e Pânico. Atua na área desde 2010, com destaque para design de interiores e prevenção de incêndio.

Comentários