Cidades

MISSAL

Município recebeu do Sindicato Rural de Medianeira 70 cestas básicas do programa Agro Fraterno

PUBLICIDADE

Na manhã desta sexta-feira, 10 de setembro, ocorreu a entrega de 70 cestas básicas doadas pelo Sindicato Rural de Medianeira ao município de Missal. A entrega ocorreu com a presença de autoridades em frente a Secretaria de Assistência Social, que será responsável pela destinação às famílias rurais carentes a partir de um cadastro próprio existente.

Na oportunidade, o Prefeito de Missal, Adilto Luis Ferrari, o vice-prefeito, Eugênio Schwendler (Chenho) e a secretária de Assistência Social, Rosani Fappi, receberam a doação das mãos do Presidente do Sindicato Rural de Medianeira, Ivonir Lodi, e a secretária do Sindicato, Talita Alexandra Tomasi. De forma simbólica, algumas famílias rurais receberam e agradeceram a oportunidade.

O Presidente da Aplemis (Associação dos Produtores de leite de Missal), Adilson Fritzen também esteve presente.

Programa Agro Fraterno

A secretária Talita do Sindicato Rural de Medianeira informou que ainda no mês de maio, durante uma live promovida pelo Ministério da Agricultura, a Ministra Tereza Cristina, no pronunciamento inicial, falou com preocupação que várias famílias da área rural estavam com dificuldades financeiras, por conta da pandemia.

“Dentre o seu discurso, a Ministra provocou as demais autoridades presentes a ajudarem estas famílias. Desta forma, aqui no Paraná a Federação da Agricultura e Pecuária, Sistema FAEP/ SENAR-PR, se prontificou em ajudar”, esclareceu. Talita informou ainda que a FAEP contatou os Sindicatos Rurais do estado e, por sua vez os Sindicatos contataram os municípios.

O Sindicato Rural de Medianeira, extensão de base de Missal, com ajuda da Secretaria da Assistência Social do município, apurou a necessidade de ajudar 70 famílias na área rural. “Com a vinda destas 70 cestas, esperasse dar algum alento as famílias rurais que passam por dificuldade além de reverter, de alguma forma, aos mais necessitados, os bons resultados que a agricultura brasileira tem tido, mesmo em meio a pandemia”.

Comentários