C

Comentando

Um garotinho mimado demais

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

Ele sempre foi um jogador que despertou polêmicas. É midiático, como já disse aqui outras vezes. É amado ou odiado. Não existe meio termo. Está num momento que até mesmo a qualidade de seu futebol é questionada. Ao sair do Barcelona para o PSG foi considerada uma das transações mais caras do futebol mundial. Não correspondeu no Barça e muito menos no PSG. Tanto que volta e meia se diz que pode ser negociado com algum clube europeu. E essas polêmicas já começaram até mesmo na sua ida para a Europa, com envolvimento de seu pai e as negociações financeiras. Neymar Jr já não é unanimidade. E desde o episódio de uma agressão ou tentativa de agressão contra um torcedor até essa nova polêmica que envolve “nudes” em redes sociais e outras suspeitas, a casa poderá cair. Mas isso compete às investigações policiais.

Imaginem vocês, a quantidade de grana que esse garoto recebe de patrocinadores mundiais, que colam sua imagem, mesmo que rebelde, aos seus produtos, perder de uma hora para outra os contratos. A possibilidade de ser vendido para outro grande clube da Europa também começa a ser questionada. Mas, na seleção, ora, na seleção e no Brasil, tudo pode. Ninguém é culpado sem antes comprovada a culpa, isso é verdade. Mas quando se trata de disciplina, tudo tem limite. Recentemente num treino, outro garoto, até então desconhecido do público brasileiro, deu um drible desconcertante em Neymar e foi empurrado pelo “craque” que não aceitou o fato. Mas lhe pergunto, meu caro leitor: quantas vezes ele fez jogadas semelhantes e ninguém disse nada?

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA NOSSAS COLUNAS

Comentando

Por: João Hermes

Radialista e cronista esportivo do Jornal Mensageiro desde 1985.

Comentários