D

Dicas do Chef

Vinho esquenta? Por que tomamos vinho no inverno?

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

O que tem a ver vinho com inverno? Bem, o vinho, de fato, sempre foi associado ao inverno, mas não quer dizer que você não possa consumi-lo durante o resto do ano, ok? Por exemplo, o vinho branco combina com verão. Uma tarde de sol, um balde com gelo e uma bela garrafa de rosé ou algum Chardonnay  bem refrescante e tudo vai ficar melhor, concordam?

Por exemplo, se uma pessoa sob efeito de álcool caísse em água fria em um naufrágio, por exemplo, essa pessoa teria menos chance de sobreviver, porque o corpo dela já estaria com baixa temperatura. Aí você me diz “Anderson, acabasse com a graça de beber vinho no inverno, então eu tô ficando com mais frio, na verdade?“. Calma, não é bem assim! Você vai beber e a sensação de frio vai passar, você vai se sentir quente. Mas de fato, a temperatura do seu corpo tende a cair pelo fato quede que vai perder calor por causa da vasodilatação.

Existe um vinho mais indicado para ser bebido no inverno? Sim! Existe! No inverno, você vai querer tomar um vinho tinto, com corpo forte. Daqueles que enchem a boca. Cabernet Sauvignon é uma boa pedida! Preste atenção na graduação alcoólica, ela vai fazer a sensação de vinho sumir rapidinho. Com a explicação acima a coisa ficou meio óbvia, né? É bom escolher um tinto de graduação alcoólica próxima ou superior aos 14%, inclusive na boca ele já vai aumentar a sensação de calor, o álcool tem dessas coisas.

Sabe o que é bom também no inverno? Um parzinho. Nada melhor do que aquela sua companhia preferida pra curtir juntinhos um bom vinho embaixo das cobertas. Se tiver uma lareirinha então!

E que tal aquela receita deliciosa de risoto para acompanhar um vinho.

Risoto de três linguiças ao Vinho Tinto

Ingredientes:

1 litro: caldo de legumes

1 taça: vinho tinto seco (100ml)

1 und: cebola picada em pedaços pequenos

1 xícara: parmesão ralado

100gr: bacon sem pele, picado.

100gr: linguiça calabresa sem pele

100gr: linguiça de pernil sem pele

2 colheres de sopa: manteiga

2 dentes: alho picado

2 folhas: sálvia fresca picada

350gr: Arroz Arbóreo

Modo de Preparo:

Numa frigideira coloque o bacon, a linguiça e a calabresa para fritar. Quando começar a dourar, escorra o excesso de gordura. Junte o alho e misture bem. Incorpore a sálvia e deixe por mais dois minutos. Reserve.

Pegue uma panela de tamanho médio e leve ao fogo. Com o fogo baixo, aqueça a panela e coloque uma colher de manteiga, coloque a cebola e frite até ficar transparente. Adicione o arroz sem lavar. Misture bem e deixe o arroz fritar por três minutos. Coloque o vinho tinto e mexa bem até o vinho secar na panela com o arroz. Após isso vá colocando, o caldo de legumes quente, pouco a pouco. Mexendo sempre. Coloque na panela junto com o arroz as linguiças e o bacon que estão fritos.

Continue adicionando o caldo de legumes no arroz e continue mexendo para que o arroz solte o amido e o risoto fique cremoso. O risoto estará pronto com o arroz estiver cozido.

Finalização: Quando o risoto estiver pronto desligue o fogo, coloque o parmesão, a ultima colher de manteiga e misture bem, deixe descansar por uns 2 minutos e sirva em seguida.

PUBLICIDADE

Anuncie - Naves

LEIA NOSSAS COLUNAS

Dicas do Chef

Por: Anderson Thomazzoni

Professor e Chef de Cozinha. Formado em Administração e Gastronomia. Pós Graduado em Enogastronomia com especialização em Docência e Gestão do Ensino Superior. Brasileiro, solteiro, 30 anos. Endereço comercial e residencial na Rua Santa Catarina, número 2770. Centro – Medianeira – PR.

Comentários