Educação e Cultura

curso

Educação promove formação de primeiros socorros com professores das escolas municipais e CMEI’s

A secretaria municipal de Educação de São Miguel do Iguaçu realizou na terça, 19, e quarta-feira, 20, no auditório da Uniguaçu, o encontro de formação sobre primeiros socorros para professores das Escolas Municipais e dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI’s).

Nas escolas ou em passeios extraclasses, muitos acidentes podem acontecer. Portanto, é necessário que os professores e demais funcionários estejam preparados para prestar atendimento aos alunos.

 A respeito dessa necessidade, em outubro de 2018 foi estabelecida a lei 13.722, mais conhecida como Lei Lucas, que exige que em todas as escolas do Brasil haja professores e funcionários capacitados em primeiros socorros.

A lei recebeu esse nome em homenagem ao menino Lucas Begalli, que morreu engasgado em 2017, aos 10 anos, durante uma excursão escolar e os professores que acompanhavam a turma não possuíam treinamento de primeiros socorros, e infelizmente não conseguiram impedir a fatalidade.

Durante a formação, houve momentos em que os professores simularam e treinaram a realização dos procedimentos apresentados.

Para a professora Aparecida Macedo Barbosa, do CMEI Olímpia Pizzolo, esse curso ofereceu uma base de como conseguir identificar se algo está errado com a criança. “Sabendo identificar de forma correta vamos conseguir ajudar de forma precisa”.

A secretária de Educação, Solange Gamba Motta, disse que a formação é importantíssima, pois nas Escolas e CMEI’s são atendidas diariamente várias crianças e acidentes podem acontecer. “Porém, quando acontecem, estar preparado para prestar o socorro à vítima pode fazer toda a diferença e salvar uma vida”. A formação foi com os soldados Fabiano Frey e Tiago Roberto Monsato Estevam, do Corpo de Bombeiros de São Miguel do Iguaçu.

Comentários