Educação e Cultura

artesanato

Representantes de artesãos da região se reúnem para alinhar rede de cooperação técnica

Representantes de prefeituras e artesãos se reuniram nesta quinta-feira (23), em Santa Helena para traçar novas ações e iniciativas que visam estimular o artesanato regional. Este é um trabalho que faz parte do Programa de Governança, Inovação e Inteligência para Desenvolvimento dos Arranjos Produtivos nos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu (PGR), pelo eixo ‘inovação’, no qual também será trabalhado o turismo.

PUBLICIDADE

Com base nesta ação foi criada a rede de cooperação técnica do artesanato regional, com reuniões que iniciaram no começo de abril e percorreram os municípios lindeiros. Atualmente são aproximadamente 200 artesãos ligados às prefeituras, já organizados em grupos, segundo a diretora técnica do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, Sandra Finkler. “Há uma troca de informações e ideias para a organização geral. O grupo gestor deve ser formado por 32 pessoas, integradas aos grupos municipais”, ressalta.

Resultados positivos

A partir dos primeiros contatos, dinâmicas e produtos já refletem o resultado positivo para a atividade regional. São feiras e eventos municipais estimulados pelo objetivo de fomento ao setor. O artesão Ademar Silveira (Pode Crê), de Mundo Novo (MS), usou materiais recicláveis e fez uma tilápia para representar o potencial da piscicultura no município. “É um material com matéria prima barata e consegue um resultado bem interessante”, ressalta.

A iniciativa é muito positiva, segundo a presidente da Associação Guairense de Artesanato, Maristela Aquino. O diretor do Departamento de Cultura de Santa Helena, Edson Vieira, ressalta a importância da integração regional para estimular o artesanato.

Planejamento estratégico

Para o dia 27 de agosto está marcado um evento de planejamento estratégico com o objetivo de traçar as formas de funcionamento da rede de cooperação técnica.

Eixos do PGR

Este é um dos trabalhos que é desenvolvido por intermédio do PGR, embasado em 11 eixos: governança, gestão pública, sustentabilidade, negócios e renda, saúde, papel da universidade, inovação, agricultura familiar, segurança e competitividade para a cadeia produtiva, infraestrutura e segurança pública.

Comitê do PGR O comitê gestor é formado pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Conselho dos Lindeiros, Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) do Estado do Paraná, Fundação Parque Tecnológico de Itaipu (FPTI), Fundação Araucária, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Programa Oeste em Desenvolvimento (POD) e Itaipu Binacional.

Comentários