N

Nosso Povo

“Por uma vida, todo sacrifício é um dever”

PUBLICIDADE

O Dia Nacional do Bombeiro é comemorado em 02 de julho, justa homenagem a todos os heróis brasileiros que arriscam suas vidas para proteger as pessoas, as cidades e as florestas do risco de incêndios, desastres naturais, desabamentos e auxiliar pessoas que enfrentam situações de grande estresse, como tentativa de suicídio, afogamento e desaparecimentos.

Em alusão à data, contamos a história do Comandante do Corpo de Bombeiros de Medianeira, Capitão Theodoro, que assumiu a corporação em abril de 2019. “Minha maior motivação para entrar foi a atividade física: a exigência ao profissional inclui natação, aeróbica, força física e coordenação motora. Tudo isso, somado à atividade de resgate, atraiu minha atenção e tomei a iniciativa de seguir a carreira”, relembrou o Comandante.

Capitão Theodoro formou-se bombeiro militar na Academia do Policial Militar do Guatupê em São José dos Pinhais (PR). Depois passou por Londrina, Cascavel, Curitiba, Francisco Beltrão e assumiu o Comando de Medianeira. “O trabalho tem sido desafiador, pois ainda estamos no meio da pandemia que mexeu muito com a nossa rotina. Ao contrário de outras instituições, o Corpo de Bombeiros aumentou o horário de atendimento ao público, seguindo os protocolos sanitários”, declarou.

Sobre o trabalho dos bombeiros, o Capitão descreveu: “É uma instituição muito bem aceita pela sociedade e isso nos motiva a melhorarmos o trabalho. Tivemos várias conquistas nos últimos anos, como a vinda de novas viaturas e melhorias na infraestrutura. Mesmo com todos os desafios que enfrentamos diariamente, somos fortalecidos pessoalmente e profissionalmente. O diferencial do Corpo de Bombeiros é o poder da adaptação e se enquadrar nas realidades impostas para continuarmos sendo a instituição que presta bons serviços – seguindo o lema ‘Por uma vida, todo sacrifício é um dever’”.

O Comandante também aproveitou a ocasião e falou sobre uma novidade: a construção da nova sede do 2º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros de Medianeira. “O local será na Rua Mato Grosso, esquina com a Rua Londrina, num terreno de 2.600 metros quadrados, com área construída de 1.750 metros quadrados; doado pela Administração Municipal. A obra está prevista para começar ainda neste segundo semestre e ser concluída até novembro de 2023”, concluiu Capitão Theodoro.

O Grupamento é dividido em dois Subgrupamentos de Bombeiros, sendo o 1º SGB em Foz do Iguaçu (que também atende Santa Terezinha de Itaipu) e o 2º SGB em Medianeira (que é responsável operacionalmente por Serranópolis do Iguaçu, Matelândia, Ramilândia, São Miguel do Iguaçu, Itaipulândia, Santa Helena, Missal e Diamante D’Oeste; numa população estimada em 154 mil habitantes).

HISTÓRIA – Os serviços de combate a incêndio em Medianeira iniciaram em 07 de julho de 1984 com a primeira guarnição escalada a compor a equipe de socorro por militares oriundos de Cascavel e Ponta Grossa. A oficialização do Corpo de Bombeiros aconteceu no dia 25 de julho do mesmo ano, em imóvel cedido pela Administração Municipal, onde permanece até hoje. O primeiro Comandante foi o 2º Tenente Treville Serpa Sá. Desde então, passaram pelo comando o Capitão Tarcísio Effigen, 1º Tenentes Edemilson de Barros, Gerson Gross, Edson Manassés, Antonio Geraldo Hiller Lino; Capitão Ivo Lúcio Fischer e, agora, Capitão Theodoro.

Em alusão ao Dia Nacional do Bombeiro, contamos a história do Comandante do Corpo de Bombeiros de Medianeira, Capitão Theodoro

Nosso Povo

Por: Tanner Rafael Gromowski

Formado em Letras português/espanhol pela UDC Medianeira, pós graduado em Língua Portuguesa pela FAG Cascavel, trabalha como repórter e redator desde 2013 no jornal Mensageiro.

Comentários