P

Pensando em Você

Plantas que são tendências para a decoração da casa (e fáceis de cuidar)

PUBLICIDADE

As espécies se adaptam a diferentes estilos de decoração e ambientes, além de serem ideais para quem não tem tanta experiência em jardinagem

Está sem criatividade para inovar no jardim? Além das plantas que são apostas certeiras para a casa, como as zamioculcas e as suculentas, você pode sair do óbvio e optar por espécies diferentes. Nesta matéria, por exemplo, nós te mostramos  espécies ornamentais que estão fazendo sucesso neste ano!

Bromélia – Muito popular para a ornamentação de canteiros, ela migrou para jardins de casas e varandas de apartamentos. Entretanto, a preocupação com a dengue e outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti fez com que o brasileiro tivesse certo medo das bromélias, por causa de seu reservatório natural de água. Mas controlar a presença do mosquito é mais simples do que se imagina! O truque é deixar uma folhinha caída de outra planta ou um pouquinho de terra no reservatório. Isso vai acidificar o líquido, nutrir a sua roommate e evitar o desenvolvimento de larvas.

Peperômia – Essa espécie de origem tropical  é prática e versátil, além de ser perfeita para quem não tem experiência em jardinagem. Como ela consegue se adaptar a qualquer região do país, não exige muitos cuidados de manutenção. Por outro lado, não é indicado que a peperômia fique em ambientes com incidência direta de luz solar nos horários mais quentes do dia. 

 
Plantas pendentes – As plantas pendentes são aquelas que, quando suspensas do solo, se desenvolvem, com suas folhas e galhos, em formato de cascata. Muitas destas espécies são queridinhas dos paisagistas já que adicionam exuberância a projetos com jardins verticais, seja por suas folhagens chamativas, como a jiboia, ou até por suas flores, como o jasmim-amarelo ou a flor-de-maio. 

Asplênio – A planta pode ser considerada uma prima oriental da samambaia, que possui folhas longas, inteiras e brilhantes. A planta gosta de calor e umidade, mas não resiste ao sol direto nas folhas, nem ao frio. O ideal é mantê-la em um local com luz difusa, indireta. Além disso, em geral, o tamanho das asplênios varia entre 20 cm a 90 cm.


Dracena-pleomele –  A planta vistosa tem folhas laminadas e onduladas. Quando em conjunto, abrem-se em formato de rosa. Ela não tolera baixas temperaturas e ambientes mal iluminados, necessitando estar a pleno sol, preferencialmente. Imponente, chega a cerca de dois a três metros de altura. Um dos principais pontos positivos desta espécie, além da baixa necessidade de cuidados, é que ela é recomendada para a purificação do ar em interiores.

Pensando em Você

Por: Oti Valério

Otilindes Munhak Valério, mais conhecida como Oti, é colunista social do Mensageiro desde a década de 1980. A frente do “Pensando em Você”, traz em sua coluna a tendências de moda, saúde, bem-estar e beleza. Tem forte ligação com a sociedade, divulgando personalidades e eventos na Coluna Social.

Comentários